spot_img

Tecnologia de Goiás auxilia agricultores a enfrentar desastres naturais no Rio Grande do Sul

em

|

views

e

comentários

Iniciativa do Governo do Estado, por meio da Fapeg, prevê chuvas e quedas de temperatura, contribuindo para a mitigação dos impactos das mudanças climáticas na região

As ações do Centro de Excelência em Agricultura Exponencial (Ceagre), em Rio Verde, ultrapassaram as fronteiras de Goiás e chegaram ao Rio Grande do Sul. Equipado com tecnologia de ponta para a captação de informações agrometeorológicas em tempo real, o órgão desempenha papel importante na resposta aos desastres naturais recentes no estado gaúcho.

O Ceagre foi inaugurado em dezembro de 2020 e vem recebendo investimentos do Governo do Estado, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg), que até 2025 vai somar um total de R$ 15 milhões.

Pesquisadores que compõem uma equipe multidisciplinar coordenada pelo Ceagre e o Centro de Excelência em Estudos, Monitoramento e Previsões Ambientais do Cerrado (Cempa-Cerrado), adaptaram os serviços de coleta de informações agrometeorológicas para proprietários rurais dos 26 municípios do Sudoeste Goiano.

Agora estão conseguindo fazer com que essas informações climáticas em tempo real, previsões precisas para os próximos dias, gráficos coloridos com maiores acumulados de chuvas, chances de tempestades e outros dados cheguem à população gaúcha neste momento de desastre climático na região.

Visão estratégia
Presidente da Fapeg, Marcos Arriel destaca a visão estratégica da Fundação ao apoiar a criação e fomento de centros de excelência, que têm colocado Goiás em destaque nacional e impulsionado o desenvolvimento econômico e social do Estado. “Cada vez mais percebemos a importância do investimento em tecnologia e inovação. O trabalho desenvolvido pela equipe do Ceagre, com o apoio dos produtores rurais do estado, permitiu colaborar com a população do Rio Grande do Sul que enfrenta esse momento difícil”, disse.

O projeto goiano Sistema de Informações Agrometeorológicas para o Sudoeste do Estado de Goiás (SIAG) é uma ação coletiva dos centros de excelência fomentados pela Fapeg, entre eles o Ceagre e Cempa-Cerrado, com a participação do Centro de Excelência em Bioinsumos (Cebio) e do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Em seu estágio inicial, o Sistema foi direcionado para a região sudoeste do estado, com a participação de uma equipe multidisciplinar de pesquisadores, visando o desenvolvimento de análises dos impactos do clima em diferentes áreas, como: agrometeorologia, fisiologia vegetal e combate de pragas.

A meta, até o final deste ano, é desenvolver o crescimento de uma rede de coleta de dados, monitoramento, previsão e caracterização para outros municípios goianos, com a adesão de mais produtores e a instalação de novas estações meteorológicas para reforçar a coleta de dados, que alimentam os estudos e previsões desenvolvidas pelos pesquisadores.

Ceagre
O Centro de Excelência tem o objetivo de gerar negócios focados em inovar, gerar soluções tecnológicas de alto valor agregado e contribuir para ampliar o número de startups de agro em Goiás. Foi implantado por meio de parceria entre o IF Goiano, Fapeg, Estado de Goiás e Prefeitura de Rio Verde, com o compromisso de desenvolver tecnologias e aplicá-las no campo, otimizando a gestão de safras e agropecuária do pequeno, médio e grande produtor e para toda a cadeia do agronegócio do estado.

Compartilhe
Tags

Mais Lidas

Central de Finanças tira dúvidas de contribuintes no 5º Mutirão de Goiânia em 2024

Entre serviços oferecidos pela Secretaria Municipal de Finanças aos moradores da Região Noroeste estão atualização cadastral, emissão de boletos, verificação de processos e outros...

Negocie Já: Governo de Goiás renegocia R$ 1,5 bilhão em dois meses

Balanço parcial aponta participação de 80 mil contribuintes; prazo de adesão termina em 29 de julho O programa de regularização de débitos de ICMS, IPVA...

O que diz o amor

Nenhuma discussão de amor esgota o assunto. Sempre haverá o que faltou dizer ou o que foi dito a mais. Uma ponta de desentendimento...

Recentes

Relacionados